17 de abr de 2011

Antes de amarrar satanás...


A ênfase demasiada que hoje damos a Satanás está nos deixando desarmados quanto aos ímpetos pecaminosos que estão escondidos dentro de nós. De nada adianta amarrar Satanás se não amarrarmos também nossos instintos. Estamos dando muita importância ao inimigo externo e pouca importância ao inimigo interno.

Não se faz uma igreja santa desferindo golpes em Satanás. É preciso esmurrar o corpo do pecado, obrigando-o a ser completamente controlado (1 co 9.27). Foi exatamente essa técnica que Deus propôs a Caim nos primórdios da história do pecado: "Eis que o pecado jaz à porta;o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre dominá-lo"(gen 4.7)

Portanto, antes de amarrar Satanás...
Amarre sua lingua: Ela é um mal incontrolável cheio de veneno mortífero.
Amarre seu gênio, se você não suporta uma ofença, uma crítica, uma dor-você é incapaz de viver neste mundo.
Amarre o pecado que habita em você e deixe à mingua o apetite da carne.

Ofereça o seu corpo em sacrifício vivo, santo e agradável à Deus.

Depois de tudo amarrado, sinta-se à vontade para amarrar Satanás, no sentido de resistir às suas artimanhas e as suas investidas periódicas.

E faça isso com a autoridade de que já se amarrou primeiro.

Fonte: Genizah 

http://www.genizahvirtual.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.