22 de jul de 2011

Sem ATALHOS



Uma cena da crucificação de Cristo não me sai da mente

Um dos ladrões que estavam pendurados ao lado de Jesus disse: Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo, e a nós¹, ou seja, ele estava doido para se safar da cruz, estava desesperado e sabia que seu fim estava próximo, a saída era provocar Jesus, quem sabe Ele realizaria um grande milagre e os livraria daquele triste fim.

O outro ladrão imediatamente o repreendeu dizendo: Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação? E nós, estamos sendo punidos com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam; mas este nenhum mal fez².

Muitos agem como o primeiro exemplo, querem se safar das verdades do evangelho, distorcem a Bíblia de acordo com suas necessidades, confiam que na hora H vão alcançar a salvação no grito ou por algum merecimento, almadiçõam e insultam Jesus agora e depois acham que Ele vai usar o seu poder para salva-los do tormento e do terror que lhes aguarda na eternidade

POUCOS AGEM COMO O SEGUNDO CONDENADO QUE ARREPENDIDO, CONFESSOU SEUS PECADOS, ENCONTROU A GRAÇA E ENXERGOU ALÉM DE SUA MORTE³.

A unica coisa que este homem pediu para Jesus foi não ser esquecido por Ele, e isto foi suficiente e mudou seu destino

Por mais apertado que esteja sua situação, lembre-se que Cristo sempre sera SUFICIENTE. 

Abraços





Fonte: Caminhando na Graça, de graça

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.