22 de ago de 2011

Não toquem no ungido!!! Por favor!!! hahaha


Eu morro de rir com crente que paga pau pra esses ladrões travestidos de pastores que quando denunciamos as práticas malignas desses sujos, vêm com argumentos de "não julgues para não serdes julgados" ou "não toquem no meu ungido". Tá entupido de textos de denúncias feitas por mim e por amigos meus e companheiros nessa missão difícil com comentários falhos e tolos como esses. Morro de rir e ao mesmo tempo tenho choro compulsivo.

É que eu imagino o apóstolo Paulo sendo chamado de crítico, juíz e hipócrita por irmãos de Corinto quando ele denunciou aquele jovem de I Coríntios 5 que vivia amasiado com sua madastra, ou quando João denunciou um falso pastor em III João e falsos profetas em Apocalipse 2, eu imaginei as igrejas de Tiatira e Pérgamo chamando João de "trave no olho" porque ele denunciou os nicolaítas, os seguidores da doutrina de Balaão e da falsa profetisa Jezabel.

Agora voltando mais no tempo... O Ungido do Senhor, Jesus Cristo.

Ele não foi só tocado. Ele foi tocado, escarnecido, cuspido, caluniado, açoitado, CRUCIFICADO. Você imagina tudo isso? O Ungido do Senhor sofreu tudo isso e em nenhum momento praguejou os que isso fizeram. Não tentou se defender como Ungido nem precisou de ninguém tentando fazer isso por Ele. Ele morreu e aceitou o sofrimento calado, como cordeiro mudo. E, ao contrário de muitos pretensos "ungidos do Senhor" dos dias de hoje, Jesus não tinha cometido falha alguma para sofrer tudo isso.

Agora me diga: algum desses falsos ungidos é melhor que Nosso Senhor para que alguém o canonize e o proteja de quaisquer acusações e exortações?

Ou aprendemos a ouvir, ou iremos ser eternamente pessoas que apenas falam demais.

Também publicado em Destruíndo a Mentira.

Via: Exemplo Bereano: http://exemplobereano.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.