26 de set de 2011

Expo Cristã: O $how tem que parar


Bem vindos a Expo Mamon.

Ontem estivemos no Anhembi em São Paulo em mais uma edição da chamada Expo Cristã, mas que Expo Manon é muito mais apropriado, pois quem é adorado ali é  Mamon, o dinheiro,  e não Cristo.
Como no ano passado estivemos no evento fazendo a proposta: "VOLTEMOS AO EVANGELHO PURO E SIMPLES, O $HOW TEM QUE PARAR".Como era em local fechado não foi possível o uso de faixas, mas nossas camisetas apresentavam esta proposta, alem de conterem nas costa um texto bíblico falando sobre o amor ao dinheiro (I Tm 6:10).
Nossas camisetas falando por nós
Éramos 7 pessoas,eu, o Josemar, o "Theofilo" ( que veio do Rio de Janeiro para estar conosco no evento) e os casais Paulo e Luciana , e  Paulo e Vera que levaram seu filhinho, o Joaquim Lucas.
Logo no entrada fomos abordados por varias pessoas que queriam saber o nosso obejtivo ali e  com isso pudemos falar com elas sobre a simplicidade do evangelho e sobre o que estão fazendo usando seu nome indevidamente. Outras pessoas liam nossas camisetas e graças a Deus a maioria parecia aprovar, muitas esternavam este apoio. Algumas pessoas queriam saber como adquirir as camisetas e nós informávamos que os modelos das camisetas estavam em nossos blogs a disposição de quem quisesse fazer uma ( no meio a tanto comércio não tínhamos, e nem temos, nenhuma intenção de participar deste esquema).
O $how tem que parar


O irmão César veio conversar conosco, entendeu o que fomos fazer ali  e logo " vestiu a camisa" do movimento, vestiu literalmente,  pois tínhamos uma camiseta extra , e  ele passou a ser o oitavo integrante do movimento presente ali.

Durante o evento pudemos conversar com uma das lideranças evangélica brasileira, o presidente do conselho de pastores de São Paulo, pastor Jabes de Alencar e respondermos a ele qual era o nosso objetivo, aproveitamos para falar sobre a agressão que sofremos na Marcha para Jesus em junho ( como se ele não soubesse) e ele disse não aprovar isso.

Alias, falando sobre a agressão ocorrida na Marcha, alguns irmãos comentaram  e puderam comprovar que isso de fato ocorreu, nos conhecendo.
Eu sempre digo que as publicação cristãs e mesmo a Expo não chega a ser uma má ideia o problema esta no que fizeram com esta ideia.
Olha o "santo" lá! Bem no alto.
Nós, evangélicos sempre fomos contra as imagens católicas, mas no evento eram comum as enormes imagens expostas ali, não eram imagem esculpidas de santos, mas fotos enormes de  "santos" gospel. Qual o objetivo de , para divulgar uma editora cristã, ter uma enorme foto do seu dono, estendida bem no alto onde todos pudessem vê-lo. E o pior é que não foi apenas um "santo" exposto, mas diversos.
Standes apresentavam de tudo, todo tipo de musica e artista gospel independente do que cada um pensa ou canta. Editoras de todas vertentes, inclusive de muitas consideradas seitas pela maioria do povo cristão.
Quem quer unção? Óleo não falta

Tinha também standes de roupas, de bugigangas gospel, oleos para unção das mais variadas marcas e composição, empresas de consultorias, turismo,consórcios etc.  Não vi tudo mas tinha até uma stand vendendo salames. Isso mesmo salames, será que eram salames gospel?
Agradecemos a Deus por mais uma oportunidade que Ele nos concedeu, agradeço a Deus por cada um que leu a mensagem ou conversou conosco. Creio que o Espírito Santo continuará o trabalho em cada vida.

Aos que não entenderam, oro para a visão seja aberta, aos que se sentiram ofendidos espero que mudem de postura. O movimento pelo evangelho puro e simples também serviu para mostrar a muitos irmão que a exemplo de Elias, eles não estão sozinhos, existem outros que não se dobram à Baal e que isso possa incentiva-los a batalhar pela fé .


Seria salame gospel?

Segue-se um dos vídeos gravados durante nossa presença no evento.
Fonte:Exemplo Bereano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.