10 de out de 2011

Carta de um missionário a um apóstolo sobre o campo missionário.

POR RENATO VARGENS


Caro apóstolo Juvêncio,
Fiquei sabendo que você pretende virar missionário. Confesso que fiquei muito feliz em saber desta notícia! Gostaria portanto, de solicitar ao ungido apóstolo que considerasse a possibilidade de tornar-se missionário comigo aqui no Sudão do Norte.

Como o senhor deve saber, por essas bandas a perseguição religiosa começou pra valer. Os muçulmanos estão nos ameaçando de morte caso insistamos continuar falando de Cristo ao povo desta terra, isto sem falar, que estamos passando necessidades, mesmo porque, nossa igreja nos abandonou no campo missionário. 

Prezado apóstolo, a vida aqui não é fácil, a malária tem matado muita gente e eu mesmo já fui vitimado por ela algumas vezes. Para piorar a situação, a muito tempo que não comemos carne, na verdade, a unica coisa que temos para comer são uns poucos legumes, arroz e algo parecido com o feijão.

Ungido profeta, acredito que a sua decisão em se tornar missionário seja a  resposta as nossas orações, visto que o senhor é um homem muito próspero e com muitos dons especiais. 

Nobre representante divino, sua vinda aqui poderá proporcionar aos sudaneses o encontro com a riqueza e a prosperidade. Quero ver o senhor decretar as vitórias de Deus nesse lugar, anseio por ver o seu ministério enfrentando profeticamente  os fundamentalistas mulçumanos, desejo ver o senhor batendo de frente com os homens maus anunciando as riquezas do reino.

Prezado avô dos apóstolos, querido "avôpostolo" peço que considere minha petição! Gostaria muito de que o Senhor escolhesse servir a Deus neste imenso, pobre mas carente país. 

Este enviando em anexo uma foto do nosso sofrido povo.

Seu servo humilde, porém nobre,

Missionário Aderval


Fonte: Renato Vargens

PS: Essa carta é uma ficção e qualquer semelhança com a realidade é mera coênciência.
Ps2: Em breve será publicarei a resposta do Apóstolo Juvêncio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.