5 de out de 2011

Nova luta para salvar a vida do Pastor Yousef no Irã



Por Jordan Seculow
Em um desenvolvimento preocupante, o advogado do Pastor Yousef Nadarkhani, Mohammed Ali Dadkha, reconheceu a possibilidade de as acusações contra ele serem alteradas. O Pastor Nadarkhani foi julgado porapostasia e nada mais . No entanto, agora, de acordo com a Fox News , o governo iraniano afirma que Pastor Nadarkhani foi acusado de uma série de crimes, sendo inclusive uma ameaça à segurança nacional e um sionista, porém não por apostasia.
A acusação de ser um sionista e, portanto, um traidor, o que faria parecer que ele seria uma espécie de espião para Israel e, assim, adversário da República Islâmica, essa é uma das acusações mais graves que podem ser feitas no Irã. Infelizmente, sabemos que esta acusação costuma ser feita para justificar a execução de pessoas que precisam ser eliminadas no Irã, isto é, pessoas que foram realmente presas e julgadas, mas por acusações completamente diferentes. Embora essas novas acusações possam ser, como eu disse antes, uma tentativa de desviar a atenção da mídia internacional, o fato de que é possível que o Pastor possa enfrentar essas acusações, significa que sua vida está em perigo agora mais do que tem sido em qualquer outro tempo desde o início do julgamento!
Podemos confirmar que nossos contatos no Irã relataram que ontem à noite, o pastor Youcef ainda estava vivo, mas que está se tornando mais e mais difícil confirmar isso a cada dia.
Ao longo da prisão do Pastor Nadarkhani nestes dois anos, tem sido apenas permitido que veja apenas um visitante por semana. “Esta é uma barreira que temos de superar a cada dia quando tentamos obter a confirmação de que ele está vivo.” É fundamental mantermos a história do Pastor Youcef na mídia! Nossos dirigentes precisam tomar uma posição para defender o pastor Youcef.
Por favor assine nossa Petição [Aqui] para a secretária de Estado Hillary Clinton – Call sobre o Irã para salvar o pastor cristãoYoucef, hoje!
***
Edição de texto: 1 Minuto pela Vida. Divulgação:Púlpito Cristão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.