14 de nov de 2011

Quando muçulmanos se convertem a Cristo


Ver o vídeo abaixo é uma agradabilíssima surpresa.
Eu até sabia que existem serviços missionários dedicados exclusivamente
a compartilhar o evangelho com povos muçulmanos, mas que isso se
dava de forma muito velada e perigosa, sem esse tipo de exposição pública.
Até onde pude apurar, realmente existe o canal de TV intitulado
Al Hayat ("Vida", em árabe), que não tem uma programação 100% cristã,
mas boa parte dela é de cunho evangelístico, e o seu site pode ser acessado
clicando aqui, com conteúdo majoritário em árabe, mas com uma ou outra
informação em inglês e francês. A Wikipedia (somente em inglês) informa que a
Al Hayat foi fundada em 2003, e que tem a maior parte do seu conteúdo produzido
no Egito, e o seu sinal atinge os países árabes e as suas comunidades espalhadas pela
Europa. Um dos seus expoentes é o padre copta egípcio Zakaria Botros, que aparece
na metade do vídeo abaixo vestindo um hábito preto com um crucifixo pendurado
no pescoço, e com um discurso mais parecido com o de um pastor protestante.
Aparentemente, na hora de pregar aos muçulmanos, os cristãos árabes
enterram suas diferenças teológicas. O padre Botros é considerado o inimigo
público nº 1 do Islã, segundo informa a National Review, justamente por sua atitude
de, como cristão, não se submeter aos muçulmanos
(como reza a Surata 9:29 do Alcorão), e criticar abertamente o livro sagrado islâmico
, bem como suas doutrinas. Tudo isto estaria produzindo muitas conversões
nos países árabes, embora de maneira clandestina, já que em muitos deles é
proibido - por lei - mudar de religião.
O vídeo abaixo (com legendas em português) é impressionante.
Em uma das ligações recebidas por um dos programas da Al Hayad,
uma mulher árabe agradece a Deus pelo câncer que ela teve, pois foi esta a
maneira pela qual o seu marido muçulmano voltou a respeitá-la e toda a família
foi, de alguma maneira, transformada por essa provação.
Algo completamente diferente da pregação maciça do triunfalismo e da
prosperidade que vemos nos programas evangélicos da TV brasileira.
Assista com atenção e ore por esses irmãos:



Fonte: O contorno da sombra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.