5 de dez de 2011

Jornalista chamada de vagabunda por Malafaia diz que o pastor deu prova de intolerância

Jornalista chamada de vagabunda por Malafaia diz que o pastor deu prova de intolerância
A revista Época publicou em seu site uma nota da jornalista Eliane Brum, na qual ela afirma que ter sido chamada de vagabunda pelo pastor Silas Malafaia prova a relevância do seu artigo “A dura vida dos ateus em um Brasil cada vez mais evangélico”. Antes da publicação dessa nota, Elaine havia dito no Twitter que ficou chocada com a entrevista do pastor.
Em uma entrevista ao The New York Times o pastor foi indagado sobre o artigo da jornalista e utilizou a palavra tramp, que em português significa vagabunda, para se referir ao caso.
“Indagado sobre o meu artigo em uma entrevista ao jornal The New York Times, o pastor Silas Malafaia me chamou de “tramp”. A palavra de língua inglesa significa vagabunda”, disse Elaine Brum na revista Época sobre a afirmação de Malafaia.
Em sua nota a jornalista, falou também que a afirmação do pastor serviu para comprovar o que ela havia dito em seu artigo: “A afirmação do pastor é autoexplicativa: ao atacar minha honra por discordar de minhas ideias, ele proporciona a maior prova do acerto e da relevância do meu artigo.” disse a jornalista.
O líder religioso admitiu no Twitter que errou ao usar a palavra e que enviou um pedido de desculpas para a jornalista. Porém Elaine Brum não mencionou o pedido de desculpas do pastor em sua nota.
Fonte: Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.