4 de jan de 2012

Seita radical islâmica dá ultimato a cristãos na Nigéria


Seita radical islâmica dá ultimato a cristãos na Nigéria
Os cristãos do Norte da Nigéria foram ameaçados pela seita radical islâmica Boko Haram que deu um ultimato de três dias para que eles saiam da região. O grupo pretende impor um Estado  Islâmico no país e para isso está disposto até mesmo a combater as tropas do governo.
Várias zonas da Nigéria tiveram o estado de emergência declarado pelo presidente Gooluck devido a série de ataques que aconteceram no país deixando centenas de mortos. Todos os ataques terroristas foram feitos pelo grupo que assumiu até mesmo os ataques contra uma igreja no dia 25 de dezembro.
O porta-voz da Boko Haram também enviou um aviso criticando o presidente que no último sábado esteve visitando a igreja da periferia de Abuja que foi atingida pelo grupo, um ataque que deixou 44 pessoas mortas. “O presidente nunca foi as lugares onde foram mortos muçulmanos”, disse o porta-voz do Boko Haram, numa alusão a dezenas de muçulmanos mortos durante confrontos pós-eleitorais, em abril.
Fonte: Gospel+
Com informações A Crítica

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.