29 de jan de 2014

Como treinar jovens para o ministério? Como desenvolver uma cultura de discipulado em sua igreja?

9marks-lideranca2

Quais São Algumas Maneiras Práticas de um  Pastor Treinar Jovens Homens para o  Ministério?

1. Compartilhe o seu púlpito (com cautela). Procure  maneiras de dar a jovens homens, que sejam  doutrinária e pastoralmente confiáveis, oportunidades  para pregar e ensinar em sua congregação – ainda que  eles não tenham a prática de falar em público.
2. Ensine a sua congregação a cuidar de outras igrejas e  dos propósitos mais amplos do reino de Deus, de modo  que eles também compartilhem a meta de levantar  pastores. Encoraje-os a ver que isso lhes será mais  proveitoso no longo prazo. Isso irá ajudá-los a ser mais  generosos, a orar e a ser mais pacientes com homens  mais jovens e inexperientes.
3. Ore publicamente por outras igrejas e pastores, pelo  nome.
4. Ore publicamente pela propagação do evangelho em  outras nações, pelo nome.
5. Procure outras maneiras de oferecer oportunidades de  ensino e evangelização a homens mais jovens, tais  como classes de escola dominical, oração pública ou a  direção do culto. Treine-os no processo. Faça avaliações construtivas.
6. Mantenha uma “resenha do sermão” regular. Convide  participantes que estejam publicamente envolvidos no ministério da igreja para recapitular os eventos do dia.  Peça avaliações construtivas de sua pregação ou  direção. Seja um modelo de como dar e receber  encorajamento e críticas piedosas. (Dicas: enfatize o  que for bíblico, teológico, pastoral, em vez do que for de sua preferência pessoal; seja honesto, mas não  lance um monte de críticas sobre os jovens e  inexperientes de uma só vez; procure evidências da  graça.)
7. Apresente um exemplo pessoal de evangelização,  amizades com não-cristãos e discipulado de cristãos  mais jovens. Olhe para aqueles que começam a imitar  seu exemplo e invista especificamente neles.
8. Considere desenvolver um internato pastoral. Clique  aqui para obter alguns exemplos de treinamento  pastoral realizados em igrejas (N.T.: em inglês).
9. Dê grandes quantidades de bons livros. Convide líderes em formação para uma conversa sobre o livro que você lhes deu, após eles lerem-no.
10. Convide homens mais jovens para a sua sala de  estudos, para que eles leiam e produzam à medida que você faz o mesmo.
11. Convide líderes em formação para que participem do seu processo de preparação do sermão. Discuta o  texto com um ou dois outros homens à medida que  você estuda. Após obter o ponto principal do texto,  convide alguém para pensar em aplicações do sermão  com você.
12. Pense em quaisquer janelas em sua vida e  ministério que você possa abrir para líderes em  formação: refeições em sua casa, serviços, visitas  pastorais, compromissos em outras igrejas,  conferências.
13. Discuta questões pastorais (que não sejam  delicadas) com homens mais jovens e peça-lhes sua  contribuição. Isso os treinará a pensar teológica e  pastoralmente, e pode até mesmo lhe dar uma nova  percepção do problema.

Como Eu Posso, Como Líder de Igreja, Ajudar a Cultivar uma Cultura de Discipulado?

  1. Estruture a sua própria agenda semanal para incluir tempo com cristãos mais jovens (cafés da manhã, almoços, visitas rápidas, conversas regulares sobre o sermão, etc.).
  2. Se você lidera uma congregação instruída, peça a igreja uma verba pastoral para dar livros de presente. Tenha uma pilha de livros em seu gabinete, prontos para presentes espontâneos. Encoraje as pessoas a lê-los e então agende um horário para discutir o livro.
  3. Busque maneiras de encorajar os cristãos maduros de sua congregação a se encontrarem com outros (“Ei, Joe, com quem você vai almoçar hoje?”). E busque maneiras de entrosar os membros da igreja uns com os outros (“Ei, Joe, você já pensou em passar algum tempo com o John?”).
  4. Aplique a sua pregação não apenas a indivíduos, mas à igreja como um todo (p.ex. “O que essa passagem significa para nós como igreja? Ela significa que nós deveríamos estar prontos a encorajar e corrigir uns aos outros.”). Busque maneiras de encorajar o discipulado e o cuidado mútuo por meio das aplicações de seu sermão.
  5. Pregue e aplique o evangelho. A correta pregação do evangelho deveria produzir cristãos que reconhecem a sua obrigação mútua de aconselhar e discipular uns aos outros baseado na identidade familiar compartilhada em Cristo. Tanto quanto possível, ajude a congregação a ligar os pontos entre a sua profissão de fé e o chamado para amar ativamente uns aos outros.
  6. Ofereça classes de formação de adultos sobre discipulado e aconselhamento.
  7. Ofereça classes de Escola Dominical sobre assuntos mais específicos, como “O temor do homem” ou “A vontade e a direção de Deus”.
  8. Use as classes de novos membros da igreja para estabelecer uma expectativa de envolvimento regular na vida uns dos outros.
  9. Use a entrevista com novos membros para perguntar ao candidato se ele ou ela deseja estar envolvido em um relacionamento de discipulado um-a-um.
  10. Abasteça a loja de livros e a biblioteca de sua igreja com bons recursos sobre discipulado.
  11. Considere ter um expositor de livretos da CCEF [N.T.: sigla em inglês da Fundação para o Aconselhamento e a Educação Cristãos, instituição fundada por Jay Adams] na sua igreja, para colocar à disposição esses brevíssimos e acessíveis recursos sobre um vasto número de assuntos específicos. Se possível, ofereça esses livretos de graça.
  12. Promova e distribua esses mesmos livros do púlpito.
  13. Leia o livro de Paul David Tripp, Instruments in the Redeemer’s Hands  [Instrumentos nas Mãos do Redentor].
  14. Encoraje os indivíduos que você está discipulando para o ministério pastoral em tempo integral a lerem o livro When People Are Big and God Is Small, de Ed Welch [Quando as Pessoas São Grandes e Deus é Pequeno, publicado no Brasil pela Editora Batista Regular].
  15. Ore. Peça a Deus para levantar presbíteros, mulheres piedosas e discipuladores maduros na sua congregação, para ajudarem no cuidado do rebanho.
  16. Como pastor, seja um modelo de humildade e de como receber correções!
  17. Considere prover os pequenos grupos da igreja com recursos recomendados de acordo com o tipo de pequeno grupo, tais como grupos de jovens casais ou grupos de solteiros.
  18. Se os recursos permitirem, contrate um pastor em tempo integral para devotar-se ao aconselhamento.
  19. Se os recursos permitirem, contrate uma mulher para devotar-se ao aconselhamento e a promover discipulado entre as mulheres na congregação.
  20. Encoraje os membros da igreja a participarem das conferências da CCEF e a fazerem uso de seus cursos de treinamento online.
  21. Ofereça uma classe de treinamento em aconselhamento para os membros e/ou os líderes de pequenos grupos da sua igreja. A CCEF oferece dois currículos excelentesHow People Change [Como as Pessoas Mudam] e Helping Others Change [Ajudando os Outros a Mudarem]. Esse material acessível aos líderes e leitores facilita aos pastores, líderes leigos e membros ensinarem uns aos outros sobre como aconselhar a Palavra e como cuidar melhor uns dos outros. (www.ccef.org)
(Esta lista sintetiza o conteúdo do artigo Twenty Ways to Cultivate a Culture of Counseling, de Jonathan Leeman e Deepak Reju.)

Tradução: Vinícius Silva Pimentel – Ministério Fiel © Todos os direitos reservados. Website: www.MinisterioFiel.com.br / www.VoltemosAoEvangelho.com. Original: Como treinar jovens para o ministério? Como desenvolver uma cultura de discipulado em sua igreja?
Permissões: Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor, seu ministério e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.